Primeiras doses da CoronaVac chegam ao Brasil

Nesta quinta-feira (19), chegaram ao país as primeiras dose do imunizante chinês CoronaVac. As 120 mil doses desembarcaram no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, e foram transportadas pela empresa Turkish Airlines. 

A vacina só poderá ser utilizada após receber a liberação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Até a autorização, as doses vão permanecer armazenadas a uma temperatura abaixo de zero. O Instituto Butantan é o parceiro da Sinovac para fabricação em massa da vacina. O objetivo é produzir 46 milhões de doses até 2021. 

A CoronaVac é considerada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) um dos imunizantes mais promissores para combater a covid-19. Os resultados clínicos foram publicados na revista científica Lacent Infectius Diases, na terça-feira (17). A publicação mostra que a vacina é segura e tem capacidade de produzir anticorpos no organismo, 28 dias após sua aplicação em 97% dos casos.  

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *