Nascidos de janeiro a março têm auxílio desbloqueado

Cerca de 1,3 milhão de contas de usadas para o pagamento do auxílio emergencial apresentaram problemas de bloqueio nesta quinta-feira (23), o que levou a formação de filas nas agências da Caixa Econômica Federal. Devido a isso, a instituição optou por criar um calendário específico para o atendimento de cidadãos que precisam recuperar o acesso ao benefício de R$ 600 mensais. O novo cronograma tem início nesta sexta-feira (24), e seguirá até o dia 21 de agosto. 

Mesmo as pessoas que ainda têm dinheiro dos depósitos anteriores do auxílio, deverão aguardar a data marcada para o desbloqueio. Segundo Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, “o calendário segue as datas de depósito do auxílio, porque quem vai receber em agosto não precisa realizar o desbloqueio agora. O objetivo é reduzir aglomerações e agilizar o atendimento. Se todos forem ao mesmo tempo, teremos filas. Então, a prioridade é de quem está recebendo o depósito agora”.

Ainda de acordo com Guimarães, a maioria das pessoas que foram às agências nesta quinta-feira (23), poderiam ter restabelecido a conta através do aplicativo Caixa Tem, sem precisar sair de casa. De acordo com informações do banco, 49% das contas bloqueadas apresentam problemas de inconsistência cadastral, que podem ser solucionadas através da internet. 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *