Anvisa proíbe venda de cloroquina e ivermectina sem receita

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) estabeleceu as regras de proibição para a venda sem receita de medicamentos como cloroquina, hidroxicloroquina, nitazoxanida e ivermectina. As novas orientações foram publicadas na Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) 405/2020, publicada no Diário Oficial da União. Segundo o órgão a lista poderá ser revista a qualquer momento para a inclusão de novos medicamentos. 

De acordo com a Anvisa, o objetivo é impedir a compra sem cuidados dos medicamentos que vem sendo amplamente divulgados como potencialmente benéficos ao combate do novo coronavírus. Com a determinação também será possível manter os estoque de medicamentos destinados aos pacientes que já possuem indicação médica para a utilização dos produtos. 

A partir de agora, a compra dos remédios em farmácias e drogarias será permitida apenas com apresentação de receita médica em duas vias. O documento terá validade de 30 dias, a partir da data de emissão e poderá ser utilizado apenas uma vez. 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *