“Desculpe ministro, você não vai me chamar de mentiroso”, declara Bolsonaro

Na tarde desta sexta-feira (24), o presidente Jair Bolsonaro convocou uma coletiva de imprensa para esclarecer as acusações feitas pelo ex-ministro da Justiça, Sérgio Moro durante  seu pedido de demissão. 

Após um breve histórico de sua relação com Sergio Moro, o presidente que demonstrava se sentir traído pela saída do ex-ministro, reiterou que o jurista não atuou em sua campanha para eleição a presidência. Bolsonaro ressaltou que vem lutando contra o sistema de corrupção, lutando contra muitos poderosos e que a esquerda brasileira quer roubar a liberdade dos cidadãos. 

Se dirigindo a Moro, o chefe do Executivo afirmou que seu compromisso é zelar pelo país, e deixou bem claro que, Maurício Valeixo teria pedido para deixar o cargo, já que se sentia bastante cansado de está à frente da PF. O ex-diretor-geral teria pedido para sair do cargo desde janeiro deste ano. 

Em seu discurso, o chefe do Executivo falou que é desmoralizante para o presidente sugerir a troca do comando de uma instituição federal, e não ser atendido. Ele ressaltou que a imprensa sempre usa vida pessoal e a vida da sua família, para fazer acusações contra sua conduta parlamentar e como presidente. Bolsonaro falou ainda que conta com o apoio de diversos parlamentares em sua gestão. 

O presidente deixou bem claro que os ministros tem a obrigação de estar junto com ele, e que em caso contrário podem sair do governo. “Não tenho mágoas do Sr. Sérgio Moro. Uma coisa é você admirar uma pessoa. Outra é conviver com ela”, afirmou. Bolsonaro ainda declarou que Moro estaria agindo em favor do seu próprio ego. “Torci para que que desse certo, mais infelizmente não deu”. 

“Acertei com todos os ministros que eles teriam autonomia, não soberania”, o presidente tem poder de veto sobre qualquer decisão da sua equipe. Bolsonaro afirmou que por confiança a Sérgio Moro, ele abriu mão do que foi estabelecido na lei 13.047/2014, que afirma o poder do presidente de nomear qualquer membro do primeiro escalão das equipes do governo. 

Ele ainda falou que as acusações de Moro são infundadas, que isso só revela quem ele é de verdade. Que a PF esteve muito mais preocupada em descobrir quem matou Marielle, do que  investigar quem teria tentado matá-lo durante a campanha. Ele firmou o compromisso com o povo brasileiro, ressaltou que seu objetivo é transformar o Brasil em um país melhor em várias vertentes e finalizou o discurso afirmando que confiava nos ministros e servidores públicos do seu governo. 

19 Comentários

  1. Paulo Cesar
    24 de abril de 2020 - 7:29 pm

    #FechadoComBolsonaro

    Responder
  2. Edmilson Alves
    24 de abril de 2020 - 8:40 pm

    Bolsonaro 201./.
    Não achei certo o que o Moro fez ! Foi um traíra!

    Responder
  3. Atos Sponholz
    24 de abril de 2020 - 8:47 pm

    Não tenho procuração para defender quem quer que seja mas , opino que: o ex-ministro Sérgio Moro desrespeitou a hierarquia.

    Responder
  4. Elaine
    24 de abril de 2020 - 9:34 pm

    O Ministro Sergio Moro, para mim, decepção. O Presidente do Brasil é Bolsonaro 🇧🇷💚💛

    Responder
  5. Solange
    24 de abril de 2020 - 9:58 pm

    Confio no Presidente Jair Messias Bolsonaro! Sua missão é complicadíssima, e tenho fé que o Brasil sairá dessa crise do vírus chinês, política e financeira de forma gloriosa!!! E que sim nos tornaremos um país de primeiro mundo! #BolsonaroTemRazão
    #FechadoComBolsonaro

    Responder
  6. Silvana
    24 de abril de 2020 - 10:48 pm

    Vem se fazer de vítima agora Sérgio Moro. ???
    Os ratos pulam do barco quando acham que vai afundar.
    Só que não vai afundar.

    Responder
  7. Helder Fernandes
    25 de abril de 2020 - 2:41 am

    Eu votei no Bolsonaro e tô fechado com ele porque acredito no seu carácter nunca na história desse país tivemos um presidente cristão patriota Brasil acima de tudo e Deus acima 🇧🇷🇺🇸🇮🇱

    Responder
  8. Cypriano B. M. Neto
    25 de abril de 2020 - 2:50 am

    Esse Moro nunca me enganou , é da turma do stf corrupto e imoral , se ele pensa que vai se dar bem se fudeu ⭐⭐⭐⭐⭐

    Responder
  9. Luiz
    25 de abril de 2020 - 4:49 am

    #MoroTraidor

    Responder
  10. Hamilton Guizzo
    25 de abril de 2020 - 11:02 am

    A impotência aliada a mentira conduz para a falencia de qualquer atitude humana. Pode acabar com uma união e até levar o país ao caos. Estes são os homens que os brasileiros continuam a escolher para depois manifestarem suas frustações batendo panelas . Não temos homens ou mulheres aptos a governar o Brasil. A coleira que desde o ano de 1500 foi colocada nos pescoços dos brasileiros continua só que agora mais apertada.

    Responder
  11. Daniel
    25 de abril de 2020 - 11:20 am

    Pediu pra sair,sabia desde o início q estaria em um meio político …correu no momento de dificuldade se preocupando com o EGO

    Responder
  12. JESUS DE DEUS DA SILVA da Silva
    25 de abril de 2020 - 4:43 pm

    SERGIO MORO COMO JUIZ 10 – COMO MINISTRO ZEROOOOO
    SÉRGIO MORO
    1) Não se pronunciou contra os inúmeros trabalhadores apanhando na rua;
    2) Não deu uma nota a respeito do Maia e do presidente da OAB por ter encomendado o impeachment do presidente ilegalmente;
    3) Não deu uma palavra sobre as constantes interferências do legislativo e judiciário no Executivo;
    4) Disse na coletiva que precisa defender o STF, o mesmo STF que quer prender cidadãos e soltar bandidos.
    5) Quando o Intercept, o congresso e O STF queriam a cabeça de Moro, o presidente não poupou defesas a ele;
    6) Não deu um passo em quem mandou matar Bolsonaro;
    7) Flávio Bolsonaro foi inocentado em duas acusações pela PF. Bolsonaro não teria motivos para ir contra a PF.
    😎 Esposa de Moro defendeu Mandetta, além de ter um escritório de advocacia com ele.
    9) Lava Jato existe antes de Sérgio Moro e sobreviveu a era petista;
    10) Moro não estava ao lado de Bolsonaro nas eleições.
    11) A esquerda defendia o diretor da Polícia Federal, Valeixo;
    12) Como a imprensa sabia de sua demissão e pq a assessoria do ministro mentiu que não havia demissão?
    13) Se Bolsonaro “faz parte do sistema”, pq querem tanto tirá-lo do poder?
    14) Valeixo, diretor que Moro defende, disse que Adélio agiu como “lobo solitário”.
    15) Governadores, imprensa e esquerda estão dando pulos de alegria.
    16) Sandro Cesar de Souza – STF solta Lula.
    Moro: “Temos que respeitar a separação dos Poderes”
    17) STF e Juízes soltam líderes do PCC e presidiários.
    Moro: “Temos que pensar no Covid-19”;
    18) Tablets para presidiários conversarem com a família.
    Moro: “Mas não é um pra cada, não, gente”;
    19) Governadores e prefeitos mandam prender cidadãos.
    Moro: “Sempre trabalhamos junto e não contra as forças de segurança estaduais e municipais”;
    20) Bolsonaro finalmente resolve nomear pessoas alinhadas aos ideais conservadores ao invés de isentões.
    Moro: “Absurdo! Eu me demito!”
    21) Obs.1: adivinha quem era assessora de comunicação de Moro? Giselly Siqueira, nora de Míriam Leitão e ex-assessora do CNJ durante as passagens de Dias Tóffoli e Ricardo Lewansdowski;
    22) Obs.2: adivinha quem Moro queria nomear para o Conselho Nacional de Política Criminal? Ilana Szabó, amiga de George Soros, FHC e, dentre tantas outras coisas, o pior de tudo, colunista da Folha.
    Quer mais alguns esclarecimentos!!!NOTA 10.

    Responder
  13. Eli Ernesto Soares
    25 de abril de 2020 - 10:16 pm

    Moro foi movido pelo egoísmo e deixou de lado a ética e o respeito Moro deveria ter mais Respeito pelo nosso pás e pela confiança que o presidente depositou Nele abraço

    Responder
  14. Luiz Carlos
    25 de abril de 2020 - 11:59 pm

    A hierarquia tem ser respeitada

    Responder
  15. Sidnei
    26 de abril de 2020 - 3:26 am

    moro me decepcionou demonstrando não ter caráter me envergonho de ser conterrâneo fez feio pro Paraná!!!

    Responder
  16. Fernando Souza
    26 de abril de 2020 - 9:47 am

    #FechadosComBolsonaro

    Responder
  17. Maria de Lourdes Silva
    26 de abril de 2020 - 10:54 am

    Que vergonha Sergio Moro. Os brasileiros confiavam em voce. Tinham orgulho de voce. Mas voce ja estava comprado e aliado aos canalhas que querem destruir a nossa nação.
    Moro uma grande decepção!!!

    Responder
  18. Mariza Lamaison
    26 de abril de 2020 - 6:28 pm

    Já foi tarde vc não é confiável
    Nem o Presidente nem nos

    Responder

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *