Covas anuncia uso de cloroquina em hospitais municipais de SP

Nesta quinta-feira (9), o prefeito da cidade de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), anunciou que irá adotar a cloroquina para o protocolo de tratamento dos pacientes do Covid-19. Atualmente o medicamento é o centro de uma polêmica entre o presidente Jair Bolsonaro e integrantes do governo, já que mesmo em fase de teste, o recurso vem sendo apontado pelo presidente como um tratamento viável para a cura do coronavírus. O assunto também virou polêmica entre o grupo do governador João Dória (PSDB), Covas e defensores do chefe do Executivo. 

Em seu pronunciamento, Covas afirmou ““Nossos hospitais municipais vão passar a administrar também a cloroquina. “Temos hoje 6 mil cápsulas. como cada paciente toma seis, já temos medicamento para tratar mil pessoas”. A prefeitura deverá comprar mais medicamento, que de acordo com o prefeito será ministrado com prescrição médica e se o paciente aceitar. A cloroquina no caso do município é para o paciente dos hospitais municipais, não é medicamento para ser distribuído em rua”, ressaltou.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *