Projeto prevê ajuda às comunidades

Durante coletiva de imprensa, realizada na última sexta-feira (3), o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta declarou que o coronavírus ainda não atingiu as pessoas mais pobres do país. Por esse motivo é fundamental que a grande parcela da população continua seguindo as orientações das autoridades de saúde, pois apenas assim o Sistema Único de Saúde (SUS), terá tempo para se preparar e atender a todos os casos. 

“Peço que as comunidades segurem, não deixem entrar em espiral antes de o sistema estar mais preparado para atender. Já que começou pelas classes a e b, passou um pouquinho pela classe média, mas não entrou nos bairros operários”, declarou Mandetta. 

Segundo o ministro, o Ministério está elaborando um plano de controle para as favelas e comunidades Estamos trabalhando com muita preocupação. Ainda estamos estudando um trabalho de manejo com favelas e comunidades. É um quebra-cabeça difícil. Esperamos até o fim de semana terminar esse que deve ser um projeto de maior complexidade. E, por enquanto, a gente pede as comunidades para continuarem com o comportamento que estão”, afirmou o ministro. 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *