Golpe do “auxílio emergencial” rouba dados através do WhatsApp

De acordo com a Polícia Federal, um novo golpe vem sendo aplicado através do WhatsApp, que promete a liberação do auxílio emergencial no valor entre R$ 600 e R$ 1200, para os beneficiários do Bolsa Família. Ao receber um link suspeito em seu WhatsApp, a vítima que realiza o cadastro por meio das mensagens, tem seus dados pessoais expostos a criminosos que realiza compras online, abre contas, solicita cartões de crédito e faz empréstimo em nome das vítimas. 

Ainda segundo a PF, o link que começou a circular na semana passada, não está mais ativo desde que o Congresso liberou o benefício que aguarda aprovação do Senado e a sanção presidencial. Segundo o órgão, os cibercriminosos também podem instalar programas maliciosos nos aparelhos celulares e computadores, tendo assim acesso as senhas, vídeos, fotos e mensagens.

Vale ressaltar que as pessoas que tem direito a receber os valores, devem buscar informações nos canais oficiais de comunicação e através do Governo Federal, que não realiza envio de mensagens através de e-mail ou redes sociais. 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *