Guedes compara funcionário público a “parasita”

Em seu comentário sobre as reformas administrativas do governo federal, Paulo Guedes comparou os funcionários públicos à “parasitas”. O comentário foi feito nesta sexta-feira (07). 

O ministro criticou o reajuste anual dos salários dos funcionários públicos.  Além disso, Guedes ressaltou o privilégio da estabilidade no emprego e “aposentadoria generosa”. Em seus argumentos, ele afirma que a máquina pública nas três esferas do governo, não tem sustentação financeira, devido às questões fiscais. Assim, esse seria o principal motivo para rever a carreira do funcionalismo. 

“O hospedeiro está morrendo, o cara virou um parasita, o dinheiro não chega no povo e ele quer aumento automático”, afirmou. A declaração foi feita durante a palestra na Escola Brasileira de Economia e Finanças da Fundação Getúlio Vargas, no encerramento de um seminário sobre o Pacto Federativo.

Paulo Guedes ainda afirmou que sua opinião é compartilhada pelos brasileiros. “A população não quer isso [reajuste automático do funcionalismo público]. 88% da população brasileira é a favor, inclusive, de demissão no funcionalismo público”, declarou. A informação é o resultado da pesquisa Datafolha, realizada em janeiro deste ano. 

1 Comentários

  1. MARCIA
    8 de fevereiro de 2020 - 1:32 am

    ELE ESTA CERTÍSSIMO ,PORQUE TEM UNS FUNCIONARIOS PUBLICOS QUE ATENDEM AS PESSOAS COM CARA DE MERDA,MUITOS RECLAMANDO DO INSS, DAS PREFEITURAS ,DOS POSTINHOS ,PO, NÃO QUER TRABALHAR DA LUGAR PRA QUEM PRECISA . ESTÃO SEMPRE COM CARA DE BOSTA ,SÃO MAL EDUCADOS ,E PORQUE ? PORQUE NÃO PODEM SER DEMITIDOS,

    Responder

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *