Governo à espera do TCU para contratação de militares

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que o governo está apenas esperando um ajuste do Tribunal de Contas da União (TCU), para autorizar a contratação dos militares da reserva. Os voluntários deverão reforçar o atendimento das agências do INSS, reduzindo assim a enorme fila de pedidos a espera de análise. 

Segundo o presidente, o decreto com as regras deverá ser publicado ainda esta semana.  “Já assinei o decreto. Ontem eu mandei não publicar. Está faltando um pequeno ajuste junto com o TCU. Se o TCU der o sinal verde, publica com a minha assinatura. Caso contrário, publica amanhã com a assinatura do [vice-presidente, Hamilton] Mourão”, afirmou. 

A contratação de aproximadamente 7 mil militares da reserva tem o objetivo de reduzir o acúmulo dos pedidos de benefícios em atraso. Com isso, a expectativa é que os processos sejam reduzidos a zero até o fim o mês de setembro. 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *