Prazo do eSocial prorrogado para médias empresas

As empresas que apresentarem até R$ 78 mi em faturamento anual, terão até o dia 08 de janeiro de 2021, para informar os dados seu funcionários. Os empregadores deverão prestar informações sobre a saúde e a segurança dos seus colaboradores. As empresas que optaram pelo Simples Nacional não terão o mesmo benefício. Já as empresas que apresentam faturamento superior a R$ 78 milhões serão obrigadas a prestar informações até 08 de setembro de 2020.  

Caso o empregador não cumpra os devidos prazos para adesão ao eSocial, poderá receber punições previstas em lei. O desrespeito aos prazos, prejudica os trabalhadores que poderão ter dificuldade para receber os benefícios sociais e trabalhistas. 

Com o eSocial o empregador deixa de prestar 15 informações periódicas a que era obrigado a fornecer ao Governo. Em 2015 quando foi lançado, o programa era adotado apenas para trabalhadores domésticos. O eSocial continuará expandindo suas atividades para todas as empresas até 2023. 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *