Bolsonaro diz está aguardando, após convocação de representante brasileira no Irã

Nesta terça-feira (07), o presidente Jair Bolsonaro declarou está “aguardando” o que irá acontecer após a convocação da encarregada de Negócios do Brasil em Teerã, Maria Cristina Lopes pela chancelaria iraniana.

No meio diplomático, a convocação é uma forma de reprimenda. Assim, ao ser questionado sobre o assunto, Bolsonaro respondeu “ Estou aguardando o que haverá após essa convocação aí. Tá ok? Nós repudiamos terrorismo em qualquer lugar do mundo e ponto final. É um direito deles, como é o meu também”. Além disso, o presidente também deixou claro que precisa conversar com o chanceler Ernesto Araújo, antes de decidir o que irá fazer em relação aos representantes diplomáticos do Irã, que estão no Brasil.

Para Bolsonaro, mesmo após a nota do Itamaraty, não há problemas entre o comércio do Brasil com o Irã. “Temos o comércio com o Irã e vamos continuar nesse comércio”, disse. “O Irã adotou alguma medida contra nós? Acho que não”, afirmou. 

No dia seguinte ao ataque dos EUA contra o Irã, o Itamaraty se posicionou sobre o caso. Através de nota, o órgão condenou um ataque à embaixada dos Estados Unidos, ocorrido em Bagdá. Porém , não condenou a morte do general Qassem Suleimani, uma das vítimas do bombardeio. 

 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *