Bolsonaro reduz consumo de carne

Devido a alta do preço da carne, o presidente Jair Bolsonaro afirmou em sua live semanal que reduziu o consumo do produto no Palácio da Alvorada. Durante a transmissão, ele declarou que a ideia era limitar a carne para uma vez por semana, aumentando assim consumo de peixe e frango. Porém, a primeira dama Michelle Bolsonaro ampliou a quantidade consumida. “Falam que o presidente tem mordomia e tem carne de graça. Tenho carne de graça, não. Eu determinei aqui, no Palácio da Alvorada, na semana passada, o consumo de carne uma vez por semana. E, logicamente, a minha esposa mandou passar para duas”, declarou.

No mês passado, a alta no preço da carne elevou a inflação oficial em 0,51%. O produto teve seu preço elevado devido a exportação para a China. Bolsonaro declarou que não irá interferir nos preços, pois sua política de governo defende o livre mercado. Além disso, ele ainda declarou que assim como outros produtos que já apresentaram altos preços no passado, logo a carne voltará a ter um preço menor. 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *