Segundo Roberto Campos Neto, sistema financeiro caminha para modernização

Foi lançado esta quinta-feira (28), o programa LITF Learning, promovido pelo Banco Central em parceria com a Federação Nacional de Associações dos Servidores do Banco Central (Fenasbac). O principal objetivo do programa é aproximar o meio acadêmico e os agentes do setor financeiro. 

Durante sua fala no evento, o presidente do BC, Roberto Campos Neto, declarou que o sistema financeiro do Brasil será mais tecnológico em aproximadamente três ou quatro anos. Ele ressaltou a importância de entender o processo de modernização das transações financeiras, pois boa parte das tecnologias já “despontam em estágios avançados”, como a blockchain e a nuvem. 

Campos ainda declarou que em todo mundo, os bancos centrais têm sido cobrados pela população por uma ação mais ágil. “Precisamos trabalhar para incluir essas ferramentas no nosso dia a dia, mas sem perder de vista a segurança do sistema, que agora se desloca também no ambiente cibernético. Então, é importante entender quais são as consequências dessa inovação, que é muito acelerada”, declarou.

 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *