Extinção do DPVat pode afetar o SUS

A extinção do Seguro de Danos Pessoais por Veículos Automotores (DPVat), a partir de 2020 poderá impactar entre outros setores no Sistema Único de Saúde (SUS). Cerca de 45% do valor arrecadado anualmente com o Seguro Obrigatório é repassado obrigatoriamente ao setor. No total o SUS recebia em média R$ 3 milhões ao ano. 

O restante do valor arrecadado com o DPVat era destinado para  o pagamento das indenizações (50%) e para o Departamento Nacional de Trânsito (5%), que nos últimos 11 anos recebeu uma verba de aproximadamente R$ 3.7 bilhões. Parte da verba também era destinada ao pagamento de programas públicos de educação e prevenção na área de acidentes.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *